fbpx
Origens do café

Café Catuaí

Café catuaí – Se você é um apaixonado por café como nós somos, deve a partir de agora parar tudo o que você está fazendo e conhecer uma variedade de café única – o café catuaí. Junto com as variedades Novo Mundo, Bourbon e Caturra, esse tipo de café vem ganhando cada vez mais destaque no mercado internacional, pelo seu gosto especial.

Uma xícara de café nunca é somente uma bebida – cada café tem sua estória, origem, preparação e também muita ciência e tecnologia envolvida. E se você pensa que existem apenas alguns tipos de café, não poderia estar mais errado – Somente o Coffea arábica, o mais consumido no Brasil por pessoas que realmente procuram o melhor café para o seu dia a dia, possui mais de 60 variedades diferentes.

Vamos agora aprender mais sobre o café catuaí, uma variedade totalmente brasileira, que foi produzida no cruzamento de duas outras espécies, por isso que recebe o termo “híbrido”. Esse café já se tornou uma das variedades mais produzidas por pessoas que se dedicam a procurar sempre o melhor gosto dessa incrível bebida.

Só para você ter uma ideia, em Tupi-Guarani catuaí significa “muito bom”, e vem sendo cada vez mais procurado também por produtores de café, que querem também aproveitar esse aumento na demanda que vem acontecendo nos mercados mundiais, graças a super exposição dessa variedade de café.

De onde vem o café catuaí?

Como já dissemos antes, o café catuaí nasceu do cruzamento de outros dois tipos – o café Novo Mundo e o café Caturra, ambas variedades do tipo Arábica. Em 1949, o famoso geneticista Alcides Carvalho, que trabalhava em Campinas, no Instituto Agronômico de Café, conseguiu fazer um cruzamento onde o melhor dos dois tipos de café prevalecesse.

Mas do seu desenvolvimento ao cultivo propriamente dito demorou alguns anos. Mais de 20 anos se passaram até o seu cultivo com intenção comercial, que durante esses anos, não parou mais de crescer.

Os apaixonados por café perceberam no seu gosto algo único, e os produtores também reconheceram em pouco tempo todas as vantagens de fazer a mudança para essa variedade. O café era reconhecidamente muito rustico, herança da sua variedade mãe Novo Mundo, e também a facilidade de produção da outra variedade mãe, presente no café Caturra.

Com a possibilidade de produção de um café resistente a muitas pragas e de fácil colheita, aliado a um sabor reconhecido e também muito valorizado no mercado mundial, os números provam por sí a escolha dessa incrível variedade – Hoje, quase metade de todas as lavouras do Brasil fazem o plantio e a colheita dessa variedade de café em seu território.

Pelo mercado internacional crescente, rapidamente esses produtores ganharam mercado no exterior, e se tornaram vendedores mais classificados e reconhecidos, começando inclusive a exportar para países que não possuíam a tradição de comprar cafés brasileiros.

Gosto do café catuaí

Devido a produção facilitada e a baixa altura que o pé alcança – não passando de dois metros – essa variedade de café também ganhou pontos por ser de fácil colheita. Ao contrário de outras variedades de café, o catuaí possui um crescimento acelerado, o que torna muito rentável a sua produção em todas as épocas do ano. Sua grande resistência contra pragas, como as ferrugens, também ajudou a manter um cultivo sempre com a mínima necessidade de insumos de produção.

Durante os primeiros anos de produção, os produtores logo perceberam que essa variedade também era facilmente produzida em outras regiões. Para que o fruto fosse possível ser plantado, bastava apenas uma altura de 800 metros e a constância de um clima ameno na maior parte do dia, com temperaturas variando entre 18 e 20 graus.

Essa condição pouco restritiva fez muitos produtores começarem a aproveitar outras áreas de seus espaços que antes não eram usadas.

Uma de suas poucas obrigações, o plantio acima dos 800 metros de atitude, facilita que a planta consiga absorver mais todos os açúcares presentes no solo, durante seu processo de maturação. Quando mais altitude o caffeiro for plantado, mais açúcares ele conseguirá extrair do solo. E essa sem dúvida é uma das características mais importantes do café catuaí.

A região do Brasil que se destaca na produção dessa variedade de café se encontra no sul de Minas Gerais, nas redondezas da linda cidade Poços de Caldas. A cidade conhecida por suas águas milagrosas, também agora possuem uma fama muito grande entre os adoradores de café.

Por ser uma região muito alta, todos os pés de café do tipo catuaí ganham um destaque quando se compara as notas sensoriais com outras variedades de café. Quem experimenta o café catuaí, dificilmente irá escolher outra variedade por algum tempo.

E mesmo ainda sendo relativamente novo, o café catuaí já está presente em uma variedade grande de apresentações, desde a tradicional xícara de café preto nos espaços mais gourmets do Brasil, até receitas mais elaboradas, feitas pelos grandes chefes de cozinha.

Todo esse grande destaque no mercado mundial só foi possível pelo sabor diferenciado do café catuaí. Como marca registrada da variedade, podemos citar sua suavidade única, sua acides média, na medida certa e também o seu sabor, que é adocicado entre levemente e mediamente.

O café catuaí, sendo uma ótima opção de cultivo para os produtores e ainda por cima um gosto especial para os apreciadores da bebida, tem cada vez mais reconhecimento por profissionais, o que acaba espalhando suas características até mesmo para quem não vive nesse meio.

Se você quer escolher um café que seja uma opção segura, que todos irão amar e que seja facilmente encontrado no Brasil, sem dúvida o café catuaí é sua melhor escolha. Por ser um café que consegue absorver bem o açúcar durante o seu processo de maturação, poucas pessoas se arriscam em colocar açúcar de cana em suas preparações, por isso o seu gosto é único e apreciado por todos!

Variedades café e amarelo

Mesmo dentro dessa variedade, foi possível o desenvolvimento com o tempo de dois grandes grupos – o café catuaí amarelo e o café catuaí vermelho.

O café catuaí amarelo foi o primeiro a ser produzido, a mais de vinte anos atrás, pelos pesquisadores. Já o grupo vermelho se originou de novos experimentos dos pesquisadores. É importante citar que sempre novas combinações são feitas entre os cafés, e essa nova pesquisa não teve como objetivo resolver qualquer problema do cultivo do café catuaí.

Durante a colheita em grande escala, os produtores puderam notar que o café catuaí vermelho possui um diâmetro maior em comparação com o café catuaí amarelo.         

Ambas as variedades possuem as mesmas condições para o plantio, que deve ser feito acima de 800 metros e ter um clima entre 18º e 20º graus. A adaptação facilidade de ambos os grupos fizeram desse café rapidamente ser um dos mais cultivados em todo o Brasil.

Também é importante citar o alto rendimento que essa variedade de café, dos dois grupos, traz ao produtor. Esse é um dos motivos de ser sempre uma opção válida quando os produtores pensam em aumentar sua produção.

E não é só no Brasil que essa variedade de café vem conquistando todos, dos produtores aos apreciadores dessa bebida única. Alguns países vizinhos, como a Colômbia, já começaram a introduzir em suas lavouras caffeiros da variedade.

O gosto dos dois grupos, assim como as condições de plantio, são muito parecidos. Apresentam um sabor sempre suave, com um tom de acidez médio. Ambos os grupos possuem um nível de doçura facilmente percebido, e também são pouco encorpados.

As únicas diferenças já apontadas pelos especialistas se resumem ao grupo vermelho se apresentar um pouco mais encorpado quando comparado com o amarelo, e dependendo da região que é cultivado, o grupo amarelo também pode facilmente apresentar notas de banana.

O grupo vermelho, pelo seu desenvolvimento mais tardio, possui ainda um sabor um pouco mais marcante, o que pode promover uma experiência mais marcante para os maiores apreciadores de café.

Uma opção perfeita e sempre segura – café catuaí

 O café catuaí rapidamente se tornou uma ótima opção de plantio para os produtores, ao mesmo tempo que conquista os paladares mais exigentes dos amantes de café do mundo inteiro.

Sua produção com poucas barreiras, seu alto rendimento e sua colheita facilitada fizeram desse tipo uma opção sempre certa para novas áreas de plantio. Não a toa, já está presente em quase metade das plantações em todo o Brasil.

Mas a força presente nos cafeeiros não chega ao seu gosto – com um sabor muito delicado e um aroma com notas diversas, ele se tornou um coringa em muitas receitas especiais. E se você é como eu, não gosta de colocar açúcar na sua xícara de café, o café catuaí é sua aposta mais segura, graças a sua grande capacidade de absorver açúcar do terreno.

Seu gosto diferenciado fez do café catuaí uma opção segura para que muitas marcas lançassem versões premiuns e gourmets de suas marcas. Uma aposta segura!

Se você deseja manter sempre um café para celebrar as pequenas vitórias do dia a dia, nada mais indicado do que ter uma xícara de café catuaí sempre por perto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.